Blog do 9º ano artemir


14/06/2011


A INDÚSTRIA NA EUROPA

 

A Revolução Industrial teve no continente europeu, que continuava com um papel de destaque no setor industrial mundial.

A Alemanha, a França, o Reino Unido e a Itália abrigam os principais centros e regões industriais, compondo o espaço mais dinâmico da economia europeia.

A Europa Oriental, embora menos desenvolvida, passa por uma reestruturação que tem contribuído para que a indústria europeia seja uma das mais desenvolvidas do mundo.

Apesar do esgotamento das jazidas de ferro do país, o setor metalúrgico francês ainda muito importante. Além disso, modernas indústrias dos setor têxtil, químico de produção de máquinas-os que mais se desenvolveram ao longo da história do país-respondem por grande parte do dinamismo industrial atual.

O setor de serviços europeu gera mais de 50% da riqueza do continente e abriga a maior parte da população economicamente ativa.

COMÉRCIO. As principais relações comerciais do continente são realizados com os países desenvolvidos, principalmente nos E.U.A e o JAPÃO. O comércio gera desenvolvimento de uma séria de outros serviços, como os transportes e os serviços bancários.

TURISMO. A E­uropa é o principal mercado turístico mundial, responsável por metade da renda gerada pela atividade no mundo. Os principais polos de atração turísticas são FRANÇA,GRÉCIA,ITÁLIA,ESPANHA,AUSTRÁLIA,ALEMANHA, e REINO UNIDO.

 

Europa Indústria: Defesa

A tecnologia avançada é que a indústria europeia é mais conhecido. A Tecnologia Avançada e Que um EUROPEIA e Indústria Mais conhecido. Também é conhecido por empregar formas altamente sofisticadas de tecnologias como a nanotecnologia e inovações biológicas para substituir potenciais ameaças à segurança. Tambem e conhecido Por Empregar Formas Altamente sofisticadas de Tecnologias Como um nanotecnologia e Inovações Biológicas parágrafo substituir potenciais ameaças à Segurança. A indústria de defesa europeia gera emprego para 770 mil pessoas. A Indústria de Defesa EUROPEIA Gera Emprego n º 770 PESSOAS mil.




DIEIME E WYGOR



Escrito por Nono ano art às 11h41
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

A INDUSTRIA EUROPÉIA - Helton A. Nunes / Lucas Alexandre


A Industria Europeia começou com a mecanização das indústrias têxteis, o desenvolvimento de técnicas avançadas de produção de ferro e o aumento do uso de carvão refinado.

Também teve inicio no continente europeu, que continua com um papel de destaque no setor industria mundial. A Alemanha, a França, o Reino Unido e a Italia abrigam os principais centros e regiões industriais, compondo o espaço mais dinâmico da economia europeia.

A Europa Oriental, embora menos desenvolvida, passa por uma reestruturação que tem contribuido para que a industria europeia seja uma das mais desenvolvidas do mundo.

O setor de serviços

O setor de serviços europeu gera mais de 50% da riqueza do continente e abriga a maior parte da população economicamente ativa.

  • Comercio. As principais relações comerciais do continente são realizadas com os paises desenvolvidos, principalmente os Estados Unidos e Japão.

  • Turismo. A europa é o principal mercado turistico mundial, responsavel por metade da renda gerada pela atividade no mundo. Os principais polos de atração turistica são França, Grécia, Italia, Espanha, Áustria, Alemanha e Reino Unido.

A introdução das máquinas a vapor (abastecidas primeiramente com carvão) e maquinaria bruta (principalmente na manufatura têxtil) deram a base para grandes aumentos na capacidade produtiva inglesa. O desenvolvimento de máquinas de ferramentas nas duas primeiras décadas do século XIX facilitou a produção de mais máquinas para serem utilizadas noutras indústrias. Durante o século XIX, a industrialização se alastrou pelo resto da Europa Ocidental e América do Norte, afetando posteriormente grande parte do mundo.foi produzido um profundo efeito socioeconómico/socioeconômico e cultural na Grã-Bretanha, que posteriormente se espalhou por toda a Europa, América do Norte, e depois para todo o mundo, num processo que ainda continua: a Industrialização.

  • Grades industriais Texteis. O Reino Unido tem uma tradição manufatureira têxtil que remonta a idade média.

Escrito por Nono ano art às 11h40
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

A industria europei Joao.p,Gabriel Henrique

Europa é, por convenção, um dos seis continentes do mundo. Compreendendo a península ocidental da Eurásia, a Europa geralmente divide-se da Ásia a leste pelo divisor de águas dos Montes Urais, o rio Ural, o Mar Cáspio, o Cáucaso, e o Mar Negro a sudeste. A Europa é limitada pelo Oceano Glacial Ártico e outros corpos de água no norte, pelo Oceano Atlântico a oeste, pelo Mar Mediterrâneo ao sul, e pelo Mar Negro e por vias navegáveis interligadas ao sudeste. No entanto, as fronteiras para a Europa, um conceito que remonta à Antiguidade Clássica, são um tanto arbitrárias, visto que o termo "Europa" pode referir-se a uma distinção cultural e política ou geográfica.

A industria

a revolução industrial teve incio no continente europeu, que continua com um papel de destaque no setor industrial mundial.

A Alemanha,a França,o Reino unido e a Itália abrigam os principais centros e regiões industrial,compondo o espaço mais dinâmico da economia europeia

a Europa oriental, embora menos desenvolvidos, passa por uma re-estrutura que tem contribuição para

que a industria europeia seja uma das sim desenvolvidas do mundo.

A industria

apesar do esgotamento das jazidas de ferro do pais,o setor metalúrgico Frances ainda e muito importante. Alem disso,modernas industrias dos setores têxtil,químico e de produção de maquinas-os que mais se desenvolvem ao longo da historia do pais responderam por grande parte do dinamismo industrial atual.

A industriá do reino unido

no atual espaço produtivo do reino unido convivem a tradição industrial, representada pelos setores de base, e os setores modernos.

Industria de transformação

com o sucesso da siderurgia de base,as industrias eletromecânica, de construção naval,automobilística,aeronaugráfica e de maquinas testeis também puderam se destacar na economia do pais

SIDERURGIA

A ATIVIDADE SIDERURGIA OBTEVE EXITO EM RAZÃO DA GRANDE QUANTIDADE DE CARVÃO E DE FERRO

Escrito por Nono ano art às 11h37
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

A AGRICULTURA EUROPÉIA-Jéssica Madureira


Durante séculos a Európa foi o centro economico do planeta, entre as causas podemos citar como a principal sua condição geográfica.A localização entre a Africa e a Asia, fez da região europeia um ponto de passagem obrigatório, e facilitou de forma substancial a absorção e irradiação dos conhecimentos, tecnologia e comércio de ambos continentes.

COMÉRCIO:

O comércio na Európa, ainda apresenta uma certa polarização, na região ocidental o movimento de capital e transações comerciais ocupam lugares proeminentes nas trocas internacionais.

IMPORTAÇÕES E EXPORTAÇÕES:

Basicamente a Europa importa matérias-primas, minerais produtos tropicais, borracha e madeira (material,madeira). Manufaturados de alta tecnologia procedentes dos Estados Unidos e do Japão.

PRODUÇÃO AGRÍCOLA:

A Europa apresenta uma importante e diversificada produção agrícola, com grande aproveitamento dos seus solos, geralmente férteis. O uso do solo está sujeito à técnicas adequadas e modernas, com elevada produtividade.

PECUÁRIA:

Como a agricultura, a pecuária na Europa fornece uma grande variedade de produtos, desde a carne até o queijo e a manteiga.A pecuária é praticada principalmente de forma intensiva, com o gado recebendo cuidados técnicos, que proporcionam mais rendimentos.

PESCA:

Na Europa, a pesca é uma atividade econômica bastante desenvolvida, sobretudo nos países setentrionais, destacando-se a Noruega, a Finlandia a Suécia e a Inslândia que utilizam modernos equipamentos pesqueiros.Principais espécies são:Bacalhau,Arenque e Salmão.

RECURSOS MINERAIS E TRANPORTES:

Os recursos minerais mais importantes do continente europeu são: petróleo, carvão,ferro e manganes.O país que mais possui recursos minerais é a Rússia.

EURO, A MOEDA COMUM:

Devido à integração econômica e da grande quantidade de capital circulante na região, houve a necessidade da criação de uma moeda comum. Os países que adotaram esta moeda são Alemanha, Austria, Béugica, Chipre, Eslováquia, Eslovênia, Estónia, Espanha, Finlândia, França, Grécia, Irlanda, Itália, Luxemburgo, Países baixos, Portugal e Malta.             

 

Escrito por Nono ano art às 11h36
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Agricultura Europeia

 

Agricultura europeia em geral é produtiva graças ao desenvolvimento tecnológico e á intensa mecanização de seus processos. A maior parte da produção agrícola é consumida no próprio continente. Cada pais é especializado

na produção de determinados produtos agropecuários, os países do sul que dispõem de um numero maior de horas de sol ao ano, são os principais fornecedores de frutas e hortaliças, encanto os países nórdicos são as maiores produtores de cereais e leite. Essa especialização regional é facilitada pela boa rede comercial existe entre eles. A multiplicidade de nações adjacentes fez da Economia da Europa uma das mais complexas do planeta.

 

A pecuária bovina e e suína é desenvolvida de maneira intensa e atende á demanda de carne e leite da população.

 

A pesca também é muito importante para a economia europeia.

Durante séculos a europeia foi o centro econômico do planeta, entre as causas podemos citar como a principal sua condição geográfica. A Europa não tem auto-suficiência na produção de energia, exigindo a importação de muito petróleo. Este produto só é extraído em quantidades consideráveis na e Rússia no, Mar do norte.

No caso da energia limpa, ou seja, não poluidora, podem ser citadas energia hidráulica, energia eólica , energia solar, de baixa produção e utilização da Europa, devido às suas condições geográficas.

 

Todas estas fontes energéticas são extremamente poluidoras e causam grandes impacto ambientais em todo o planeta. Sendo e caso da energia limpa, não poluidora, podem ser citadas a energia hidráulica ,energia eólica, e energia solar , de baixa produção e utilização da Europa, devido às suas condições geográfica.

 

A produção de energia nuclear na Europa muito importante, a exemplo dos Estados Unidos, gera imensas quantidades de lixo atômico, cujo fim, desde o início de utilização, e é muito nebuloso.

 

 

Nomes: Adria e Dâmaris

Escrito por Nono ano art às 11h32
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

A Industria na Europa- Kevillin e Stalin

 

A Revolução Industrial teve início no continente europeu, que continua com o papel de destaque no setor Industrial Mundial.

Os grandes centros industriais europeus se encontram em grande parte na Europa ocidental, veja os principais:

 

Alemanha:É um dos países mais industrializados do mundo. Os maiores setores industriais se localizam principalmente na bacia do Rio Reno, esta localizado uma enorme região siderúrgica alemã que destaca pela facilidade do transporte fluvial(RENO), pelo mercado consumidor(CEE), e reserva de carvão.

Reino Unido: A evolução industrial da Alemanha está relacionada às grandes reservas de carvão, a boa localização, abundância de mão-de obra, e pelo sucesso como o maior centro econômico durante o século XIX Ultimamente, o setor industrial do Reino Unido está passando por crises, que resultam numa decadência da produção. As principais indústrias são: siderúrgica, construção naval, automobilística, aeronáutica e têxtil.

França:O processo de industrialização se tornou forte somente com o fim da Segunda guerra Mundial, hoje é considerado um dos países mais industrializados do mundo. A indústria é uma das principais atividades do país, concentradas, sobretudo, em Paris.

Itália:No Norte da Itália está localizado o maior centro financeiro do pais. Destacando-se sua tradição artesanal, o forte comercio, considerável quantidade de mão de obra, o investimento estrangeiro, e a facilidade de comunicação com a Europa ocidental

Rússia:É considerada uma grande potencia industrial. Estão em evidencias as industrias siderúrgica, mecânica pesada e química. Os centros industriais se concentram nas regiões de Moscou, São Petersburgo.

Países Nórdicos:É composta pela Noruega, Suécia, Finlândia, Dinamarca e Islândia. O acesso aos recursos naturais e o aproveitamento de energia hidrelétrica possibilitam uma grande diversidade industrial nesses países. Destacando-se industrias nas áreas siderúrgicas e mecânica e pesqueira.

A Europa Oriental passa por uma re-estruturação que tem contribuído para que a industria europeia seja uma das mais desenvolvidas.

Escrito por Nono ano art às 11h29
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

A indútria européia - Altair e Ivanilson

 

A revolução indútrial teve inicio no continente europeu,que continua com um papel de destaque no setor industrial mundial.A Alemanha,a França, o Reino Unido e a Itália abrigamos principais centros e regiões industriais, compondo o espaço mais dinâmico da economia européia.

A Europa Oriental, embora menos desenvolvida,passa por uma reestruturação que tem contribuido para que a industria européia seja uma das mais desenvolvidas do mundo.

O setor de serviços

 

O setor de serviços europeu gera mais de 50% da riqueza do continente e abriga a maior parte da população economicamente ativa.

  •  
    •  
      •  
        •  
          •  
            • Comércio:As principais relações comerciais do continente são realizadas com os paises desenvolvidos, principalmente os Estados Unidos e o Japão. O comercio gera o desenvolvimento de uma série de outros serviços,como os transportes e os serviços bancários.

            • Turismos: A Europa é o principal mercado túristico mundial, responsável por metade da renda gerado pela atividade no mundo.Os principais polos de atração turistica são França,Grécia,Itália,Espanha,Áustria, Alemanha e Reino Unido.

A Europa Oriental , embora menos desenvolvida , passa por uma reestruturação que tem comtribuído para que a industria Europeia seja um das mis desenvolvidas do muindo.
Na europa ocidental a industria mais importante é a de produtos químicos dando enfase para a industria farmacêutica, e também não podemos deixar de lembrar a industria automotiva da França..
E nos demais países nós encontramos diversidade industrial.
A produção de energia nuclear na Europa é muito importante, e, a exemplo dos Estados Unidos, gera imensas quantidades de lixo atômico, cujo fim, desde início de sua utilização, é muito nebuloso e nunca divulgado na mídia mundial.

Os países de desenvolvimento elevado Reino Unido França Alemanha Suíça Finlândia entre outros países mais desenvolvidos tem a agricultura mecanizada e produtiva.

 

Países de desenvolvimento intermediário Portugal e Espanha caracterizam_se por apresentar menor desenvolvimento e agricultura.

 

 

Escrito por Nono ano art às 11h28
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Agricultura Europeia - kesia e Mônica

A agricultura europeia em geral é produtiva graças ao desenvolvimento técnico e a intensa mecanização de seus processos. A maior parte da produção agrícola é consumida no próprio continente. De acordo com as condições climáticas,cada pais é especializado na produção de determinados produtos agropecuários. Os países do sul que dispõem de um numero maior de horas de sol ao ano são os principais fornecedores de frutas e hortaliças, enquanto os países são os maiores produtores de cereais e leite. Especialização regional é facilitada pela boa rede comercial existente entre eles. No norte do continente, a pecuária bovina e suína é desenvolvida de maneira intensiva e atende á demanda de carne e leite da produção.

A pesca também é muito importante para a economia europeia. Nessa atividade destacam-se Rússia,Noruega,Islândia,Portugal e Espanha.

Agricultura

A frança tem a maior quantidade de áreas agricultáveis. Com exceção de produtos tipicamente tropicais, cujo cultivo não é adequado a suas condições climáticas, o país sempre supriu as necessidades de sua população e produz excedentes para exportar para os demais países europeus. Os produtos mais cultivados são a beterraba, empregada na fabricação de açúcar,e o trigo. A pecuária,desenvolvida de forma intensiva,garante o abastecimento de carnes e laticínios.

Como a agricultura, a pecuária na Europa fornece uma grande variedade de produtos, desde a carne até o queijo e a manteiga. A pecuária é praticada principalmente de forma intensiva, com o gado recebendo cuidados técnicos, que proporcionam mais rendimentos.

 

França, na Grã-Bretanha e na Polônia. Apesar de não possuir um rebanho numeroso, a criação de gado leiteiro tem destaque na Dinamarca Suíça e nos países baixos por exemplo, a produtividade do rebanho é superior a 5 mil litros de leite por vaca ao ano, sendo cerca de 75% da produção de industrializados no país

 

 

leite ovinos suínos bovinos.

Escrito por Nono ano art às 11h26
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

A AGRICULTURA EUROPEIA - Lilia Mara e Thais



A agricultura europeia em geral é produtiva graças ao desenvolvimento técnico e a intensa mecanização de seus processos. A maior parte da produção agrícola é consumida no próprio continente. De acordo com as condições climáticas cada pais é especializado na produção de determinados produtos agropecuários. Os países do sul que dispõem de um numero maior de horas de sol ao ano são os principais fornecedores de frutas e hortaliças enquanto os países nórdicos são os maiores produtores de cereais e leite. Essa especialização regional é facilitado pela boa rede comercial existente entre esses países .A França tem a maior quantidade de áreas agricultáveis da Europa. Com exceção de produtos tri plicamente tropicais, cujo cultivo não é adequado as suas condições climáticas, o país sem supriu as necessidades de sua população e produção e produz excedentes para exportar para os demais países europeus. Os produtos mais cultivados são a beterraba empregada na fabricação de açúcar, e o trigo. A pecuária desenvolvida de forma intensiva, garante o abastecimento de carnes e laticínios.

A Europa apresenta uma importante e diversificada produção agrícola, com grande aproveitamento dos seus solos, geralmente férteis. O uso do solo está sujeito à técnicas adequadas e modernas, com elevada produtividade. A cultura de cereais é predominante, destacando-se o "trigo", produto mais importante. Sua principal área produtora é a região de solos negros da Ucrânia . O outros países que se destacam na produção de trigo são Itália, França, Alemanha e Rússia. Outros cereais cultivados são o centeio, a aveia e a cevada, que são importantes produtos agrícolas das áreas temperadas. Outro destaque especial é o cultivo da videira, destinada à produção de vinhos. Alguns tipos de vinho e de azeite que só podem ser produzidos nesses países, devido às condições especiais do solo e do clima.

Escrito por Nono ano art às 11h25
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

A industria europeia – wesley e Legramante

A revolução industrial teve inicio no continente Europeu, que continua com o papel de destaque no setor industrial . A Alemanha, a França ,o Reino Unido e a Italha obrigão os principais centros e regioes indutriais, compondo o espaço mais dinamico da economia Europeia . A Europa oriental, embora menos desenvolvida, passa por uma reestauração que tem contribuido para que a industria Europeia seja uma das mais desenvolvidadas do mundo.

O setor de serviços europeu gera mais de 50 porcento da riqueza do comtinente e abriga a maior parte da população economicamente ariva.socioeconómico socioeconômico e cultural na Gram bretania que posteriormente se espalhou por toda a Europa, america do norte, e depois para todo o mundo, num processo que ainda continua: a industrialização . Na parte final dos anos de 1700 a economia baseada na força no Reino da Grã-Bretanha começou a ser substituída por outra dominada pela indutria e pelas maquinas Começou com a mecanização das industrias textis o desenvolvimento de técnicas avançadas de produção de ferro e o aumento do uso de carvão refinado

socioeconómico/socioeconômico e cultural na gran-bretania que posteriormente se espalhou por toda a Europa , America do norte, e depois para todo o mundo, num processo que ainda continua: a industrialização. Na parte final dos anos de 1700 a economia baseada na força manual no Reino da Grã-Bretanha começou a ser substituída por outra dominada pela industrias e pelas maquinas. Começou com a mecanização das industrias textiveis, o desenvolvimento de técnicas avançadas de produção de ferro e o aumento do uso de carvão refinado. A expansão do comercio foi possibilitada com a introdução de canias ,rodovias e .

a industrialização se alastrou pelo resto da Europa Ocidental e america do norte, afetando posteriormente grande parte do mundo.produção de energia nuclear na Europa

Escrito por Nono ano art às 11h19
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Alunas:Aline Roberta e Gabriela Baptistella Série: 9°ano B

 

 

A agricultura europeia

 

O uso intencivo de tecnologia e a contínua inovação dos processos que permitem á economia européia a otimização de seus recursos e um elevado indice de produtividade.

A agricultura europeia em geral é produtiva graças ao desenvolvimento técnico e á intensa mecanização de seus processos.Sendo assim a maior parte da produção agricola consumida pelo próprio continente.

De acordo com as condições climaticas cada país tem sua produção especifica agropecuária,sendo assim os países do sul:que se dispõem de um maior número de horas de sol ao ano e são os principais fornecedores de frutas e hortaliças , e os países nórdicos:são os maiores produtores de cereais e leite.Essa especialização regional é facilitada pela boa rede comercial existente entre eles.

A agricultura foi cultivada na Europa antes da Revolução Industrial, muito parecido com a forma que é cultivada nas vilas da Índia hoje. Cada fazendeiro possuía um número de pequenas tiras de terra, elas não eram inteiriças formando um grande terreno, mas sim separadas umas das outras por tiras pertencentes a outros fazendeiros. Em muitas formas os fazendeiros da Europa eram piores que os fazendeiros indianos de hoje, porque eles não sabiam que era ruim para seus campos, semear a mesma colheita na mesma terra ano após ano. Eles não sabiam que existem algumas plantas que ajudam a recuperar os nutrientes perdidos do solo e as quais são utilizáveis para a alimentação, tanto de animais quanto de humanos. Como resultado desta ignorância, o solo ficou cada vez mais pobre e as colheitas ficaram menores.


 

A pecuária

 

No norte do continente a pecuária bovina e suina é desenvolvida de maneira intensiva e atende a demanda da carne e leite da população.


A pesca

 

A pesca tambem é muito importante para a economia europeia.Nessa atividade destacam-se Rússia,Noruega,Islândia,Portugal e Espanha entre outros.

 

Escrito por Nono ano art às 11h15
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

A S INDUSTRIAS EUROPEIAS - wanderson e eduardo

ECONOMIA DA EUROPA ü O Continente Europeu, principal ponto de referência da Revolução Industrial, é formado por alguns dos países mais desenvolvidos do planeta Terra. ü A agropecuária, a mineração e os transportes sãos os fatores que mais influenciam na economia européia.

A REVOLUÇÃO INDUSTRIAL

 

A Revolução Industrial consistiu em um conjunto de mudanças tecnológicas com profundo impacto no procesos produtivo em nível econômico e social. Iniciada na Inglaterra em meados do século XVIII, expandiu-se pelo mundo a partir do século XIX

 

 

O ESPAÇO INDUSTRIAL EUROPEU Apesar de ter seguido uma linha de desconcentração econômica e industrial, visando a um desenvolvimento em todo o seu território e, por isso, possuir uma das mais perfeitas distribuições territoriais da indústria na Europa, a França apresenta alguns eixos urbano-industriais de maior destaque, como:

Escrito por Nono ano art às 11h13
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Amanda Santos e Mariane Madureira 9º B

 

Agricultura européia

A agricultura da Europa é muito intensa devido a um grande desenvolvimento técnico e a mecanização dos seus processos. A contribuição da agricultura para a sustentabilidade econômica das zonas rurais continua a ser muito importante. Os agricultores desempenham funções diversificada, que vão da produção de produtos alimentares e não alimentares até a gestão do espaço natural, à preservação da natureza e ao turismo. A Europa é, simultaneamente, um importante exportador e o maior importador de produtos alimentares do mundo, sobretudo de produtos originários de países em vias de desenvolvimento, como por exemplo o Brasil. O setor agrícola europeu utiliza métodos de produção seguros, limpos e ecológicos fornecendo produtos de qualidade que satisfazem as exigências dos consumidores;

O sector agrícola da União Européia está ao serviço das comunidades rurais. O seu papel não consiste apenas em produzir gêneros alimentícios, mas também em garantir a sobrevivência do espaço natural, enquanto espaço para se viver, trabalhar e visitar. A agricultura foi cultivada na Europa antes da Revolução Industrial, é muito parecida com a forma que é cultivada nas vilas da Índia de hoje. Cada fazendeiro possuía um número de pequenas tiras de terra, elas não eram inteiriças formando um grande terreno, mas sim separadas umas das outras por tiras pertencentes a outros fazendeiros. Em muitas formas os fazendeiros da Europa eram piores do que os fazendeiros indianos de hoje, porque eles não sabiam que era ruim para seus campos, semear a mesma colheita na mesma terra ano após ano. Eles não sabiam que existem algumas plantas que ajudam a recuperar os nutrientes perdidos do solo e as quais podem ser utilizadas para a alimentação, tanto de animais quanto de humanos. Como resultado desta ignorância, o solo ficou cada vez mais pobre e as colheitas ficaram cada vez menores durante os anos.

 

Escrito por Nono ano art às 11h12
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

AGRICULTURA NA EUROPA - Jacqueline e Gesiely

A agricultura foi cultivada na Europa antes da Revolução Industrial, muito parecido com a forma que é cultivada nas vilas da Índia hoje. Cada fazendeiro possuía um número de pequenas tiras de terra, elas não eram inteiriças formando um grande terreno, mas sim separadas umas das outras por tiras pertencentes a outros fazendeiros. Em muitas formas os fazendeiros da Europa eram piores do que os fazendeiros indianos de hoje, porque eles não sabiam que era ruim para seus campos, semear a mesma colheita na mesma terra ano após ano. Eles não sabiam que existem algumas plantas recuperaram os nutrientes perdidos do solo e as quais são utilizáveis para a alimentação, tanto de animais quanto de humanos. Como resultado desta ignorância, o solo ficou cada vez mais pobre e as colheitas ficaram menores.

Também agricultura em geral é produtiva graças ao desenvolvimento técnico e á intensa mecanização de seus processos. A maior parte da produção agrícola é consumida no próprio continente

As condições climáticas,cada pais é especializado na produção de determinados produtos

agropecuários. Os países do sul,que dispõem de um numero maior de horas de sol no ano,são os principais fornecedores de frutas hortaliças, enquanto,os países nórdicos são os maiores produtores de cereais e leites. Esses uso de intensivo em tecnologia e a continua inovação dos processos permite a economia europeia a otimização de seu recursos em um elevado índice de produtividade.

 


PECUÁRIA

No norte continente, a pecuária bovina e suiná é desenvolvida de maneira intensiva e atende a demanda de carne e leite da população.

 

 

A INDÚSTRIA

 

A revolução industrial teve início no continente europeu,que continua com papel de destaque no setor industrial mundial.

Que a Alemanha,a França,o Reino Unido e a Itália abrigam os principais centros e regiões industriais, compondo espaço mas dinâmico da economia europeia.

 

 


Jacqueline. e Gesiely

Escrito por Nono ano art às 11h09
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

-A Agricultura Europeia- Andressa & Karoline


A agricultura foi cultivada na Europa antes da Revolução Industrial, muito parecido com a forma que é cultivada nas vilas da Índia hoje. A agricultura europeia em geral é produtiva graças ao desenvolvimento técnico e á intensa mecanização de seus processos. A maior parte da produção agrícola é consumida no próprio continente. Cada fazendeiro possuía um número de pequenas tiras de terra, elas não eram inteiriças formando um grande terreno, mas sim separadas umas das outras por tiras pertencentes a outros fazendeiros. Em muitas formas os fazendeiros da Europa eram piores do que os fazendeiros indianos de hoje, porque eles não sabiam que era ruim para seus campos, semear a mesma colheita na mesma terra ano após ano. Eles não sabiam que existem algumas plantas que ajudam a recuperar os nutrientes perdidos do solo e as quais são utilizáveis para a alimentação, tanto de animais quanto de humanos. Como resultado desta ignorância, o solo ficou cada vez mais pobre e as colheitas ficaram menores.

A maior parte da Europa é coberta por explorações agrícolas e florestas, que são vitais para a saúde e a economia. A política agrícola comum da UE garante o desenvolvimento da agricultura de uma forma compatível com a proteção do ambiente, ajuda a desenvolver o tecido econômico e social das comunidades rurais e desempenha um papel essencial na procura de soluções para fazer face aos novos desafios, como as alterações climáticas, a gestão dos recursos hídricos, a bioenergia e a biodiversidade. A agricultura europeia tem tido inúmeras transformações e com progressos para uma especialização cada vez mais acentuada, tendo em mente corrigir o excesso de produção em determinados aspectos. Esta tendência acentuou-se com a criação da PAC que através de subsídios tentou diminuir as produções excedentárias e fundar outras atividades complementares etc .

 

Escrito por Nono ano art às 11h02
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Perfil



Meu perfil
BRASIL, Centro-Oeste, CAMPO VERDE, jardim campo verde, Homem, de 15 a 19 anos

Histórico